Acadêmicos de Psicologia garantem vaga em mestrado em universidades federais

Postado em 19/12/2017

IMG_8882O curso de Psicologia da UNIFEBE comemora a aprovação de três acadêmicos para iniciarem seus estudos de mestrado em universidades federais a partir de 2018. Mesmo antes de se formarem, as acadêmicas da 10ª fase, Maísa Hodecker e Bruna Adames foram aprovadas pela Universidade Federal de Santa Catarina.

Para Maísa, foi recompensador o sentimento de ser aprovada em meio a tantos candidatos com potencial.

— Minha aprovação no mestrado significa a realização de um sonho. Foi uma batalha árdua para conseguir a melhor nota na prova escrita e ser aprovada nas demais etapas, avaliação de currículo e arguição de banca. Me inscrevi para a área de Saúde e Desenvolvimento Psicológico, linha de Atenção psicossocial, cultura e ambiente. Contudo, essa vitória não seria possível sem os grandes professores que me apoiaram, me ensinaram, e, acima de tudo, me acompanharam como bons amigos e futuros colegas de profissão. Serei eternamente grata ao ensino enriquecedor e humano que obtive graças à UNIFEBE — ressalta.

A estudante Bruna agradeceu à Instituição e aos seus professores por todo apoio para alcançar seu objetivo.

— Durante o processo seletivo, foram três longas etapas e mais o exame de Proficiência em Inglês, contudo hoje afirmo que valeu a pena toda a dedicação e esforço, pois, o sentimento que sinto neste momento é gratificante. Gostaria de agradecer à Deus, à minha família, aos professores, à instituição UNIFEBE, aos amigos, enfim, a todos os envolvidos que contribuíram para que este objetivo fosse alcançado, assim como para o meu crescimento pessoal e profissional — afirma.

O egresso Alan Müller, graduado na primeira turma do curso, conquistou a primeira colocação no processo seletivo de mestrado da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

— A UFPR conta com o Laboratório de Fenomenologia e Subjetividade, o qual é referência no Brasil no que se refere a pesquisa, ensino e extensão com enfoque em Fenomenologia, Subjetividade e Psicologia — conta.

O coordenador de Psicologia da UNIFEBE, Ademir Bernardino da Silva, parabeniza e deseja sucesso nesta nova caminhada.

– É gratificante perceber a consolidação do curso por meio dos resultados obtidos em programas de mestrados conforme dados abaixo. O empenho de toda a equipe garante ações de qualidade que confirmam a competência do processo de formação dos nossos acadêmicos — destaca.

 

Texto: Suellen Pereira Rodrigues
Assessoria de Comunicação Social/UNIFEBE
imprensa@unifebe.edu.br |47-3211-7223