dica de leitura
Sugestão de Leitura
22 de novembro de 2018

História da Black Friday

black-friday-unifebe

Como começou a Black Friday?

O nome “sexta-feira negra” parece título de filme de terror, mas, ao contrário do que o nome sugere, a “Black Friday”, termo em inglês, é sinônimo de preço baixo e muitas compras. Ela é esperada por meses por muitas pessoas ao redor do mundo, mas você sabe como ela surgiu?

História da Black Friday, de queda na Bolsa de Valores a guardas de trânsito.

A história do nascimento da Black Friday é uma verdadeira confusão, isso porque não há uma data específica nem uma única versão. O nome nasceu nos EUA, e foi empregado pela primeira vez em 1869, quando Jay Gould e James Fisk tentaram tomar o mercado de ouro na Bolsa de Valores de Nova York. O termo Black Friday, nesse caso, se referia à intervenção do governo, que teve de aumentar a oferta de ouro para corrigir a distorção causada por Gould e Fisk, gerando uma grande crise.

Dia de Ação de Graças e a Black Friday, qual a relação?

Segundo o linguista Benjamin Zimmer, “o adjetivo negro foi usado durante séculos para retratar diversos tipos de calamidades” (BBC, 2017). Sendo assim, como o nome foi parar no maior evento de compras do mundo?

Para explicar esse feito, é preciso primeiro conhecer o dia de Ação de Graças, feriado nacional dos EUA marcado como um dia para estar com a família e agradecer a Deus pelas graças alcançadas durante o ano. O feriado é comemorado sempre na quarta quinta-feira do mês de novembro, e o dia seguinte – sexta-feira – marca o início das festividades – e compras – para o Natal.

De sexta-feira negra a peste negra.

Pesquisadores da Universidade da Carolina do Sul dizem ainda que o termo Black Friday deve-se ao fato de que na sexta-feira após o Dia de Ação de Graças, era enorme o número de atestados de saúde de funcionários dos mais diversos locais. Uma alusão aos efeitos da “peste negra” ou peste bubônica, que assolou a população europeia em meados do século XIV.

Gírias policiais, caos e confusão.

Uma outra versão, a mais aceita segundo estudiosos, é a de que a Black Friday teria surgido na Filadélfia, na década de 60, como uma gíria policial, referindo-se ao caos e ao trânsito caótico proporcionado pelo dia seguinte ao feriado de Ação de Graças, quando as pessoas iam às ruas iniciar suas compras de Natal. Os policiais não gostavam, mas os lojistas adoravam toda aquela movimentação de consumidores.

Black Friday 2.0, uma oportunidade

A Black Friday que conhecemos hoje, permaneceu por muito tempo restrita aos Estados Unidos, e só se espalhou de verdade a partir dos anos 90. O evento em si começou a crescer sem fronteiras a partir do ano 2001, quando diversos outros países passaram a incluir a sexta-feira de compras e preços baixos em seu calendário comercial, percebendo então o grande potencial de vendas que esse dia proporcionava.

E no Brasil, quando começou?

Aqui temos data específica, em 26 de novembro de 2010 os brasileiros tiveram sua primeira Black Friday. Foram apenas 50 lojas online participando, hoje o número é um pouco maior e movimentou mais de 2 bilhões de reais no último ano, tanto com lojas físicas quanto online. A população aguarda ansiosa, faz poupança e até esconde dinheiro embaixo do colchão se for preciso, para poder comprar diversos produtos por quase 80% de desconto.

O sucesso desse evento anual é tão grande que algumas lojas deixam as promoções por uma semana, e até um mês, as chamadas “Black Week” e “Black November”, respectivamente.

É barato sim, mas fique atento!

Como em todo lugar, sempre existe aquela pessoa que quer tirar vantagem dos consumidores, a essas lojas damos o nome de “Black Fraude”. Algumas delas aumentam os preços das mercadorias alguns dias antes, para que o desconto pareça imenso, quando na verdade o cliente está pagando o valor normal do produto. Por isso, é importante pesquisar muito bem os preços e ficar de olho na popularidade das lojas para não cair nesse golpe.

Percalços e confusões à parte, a Black Friday é um evento mundial que movimenta bastante dinheiro e deixa os lojistas e os consumidores muito felizes. E você, já sabe o que vai comprar na Black Friday?

 

FONTES:

https://www.bbc.com/portuguese/internacional-38087960

https://www.tecmundo.com.br/mercado/124357-historia-black-friday-video.htm

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social:

comunicacao.assessor@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

Organização é tudo: planeje seus estudos
Ensino Médio

Organização é tudo: planeje seus estudos


11 de outubro de 2018
Por que a Guerra Fria tem este nome?
Ensino Médio

Por que a Guerra Fria tem este nome?


29 de maio de 2018
Retire seu diploma sem taxas
Comunidade

Retire seu diploma sem taxas


30 de novembro de 2018
  • Visualizar por ano
  • Visualizar por categoria
Skip to content