dica de leitura
Sugestão de Leitura
19 de novembro de 2018

A importância das campanhas de Outubro Rosa e Novembro Azul

outubro-rosa-novembro-azul-unifebe

Saiba tudo sobre as campanhas do Outubro Rosa e Novembro Azul.

Outubro e novembro são dois meses marcantes. Pela chegada da primavera ou pelo início do horário de verão, ambos carregam uma grande responsabilidade: a de conscientizar mulheres e homens sobre a importância da prevenção do câncer de mama, próstata e demais temas relacionadas à saúde.

Em outubro usamos rosa

O Outubro Rosa nasceu em meados dos anos 1990 com o intuito de levar informação e maiores serviços de prevenção e tratamento de doenças relacionadas à saúde feminina.

Segundo o INCA, Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, estimam-se quase 60.000 novos casos de câncer de mama no Brasil nos anos de 2018 e 2019.

O câncer de mama tem cura e graças ao Outubro Rosa, a população tem acesso à realização de exames importantes para o diagnóstico e prevenção da doença, durante todo o mês de outubro, gratuitamente pelo SUS. Os exames vão desde papanicolau a mamografias e estão disponíveis para mulheres de todas as faixas etárias.

Quais os riscos?

O principal risco do câncer de mama está na idade. Mulheres com mais de 50 anos são mais propensas a desenvolver os sintomas. Além disso, outros fatores podem aumentar o risco da doença, segundo o INCA:

  • Obesidade e sobrepeso após a menopausa
  • Sedentarismo
  • Consumo de bebidas alcoólicas
  • Exposição a radiações de Raio X
  • Mulheres que menstruaram pela primeira vez antes dos 12 anos
  • Não ter tido filhos
  • Primeira gravidez após os 30 anos
  • Não ter amamentado
  • Uso de anticoncepcionais
  • Histórico familiar de câncer de mama ou ovários.

30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados levando uma vida saudável, manter o peso ideal e praticar exercícios físicos regularmente. Mas, se você se encaixa em alguns dos fatores acima, não há porque se alarmar, pois não necessariamente você irá desenvolver a doença.

Como prevenir?

O primeiro e mais importante passo é fazer o autoexame regularmente. Conhecer detalhadamente seu corpo fará com que você perceba caso algo esteja fora do normal. Segundo o INCA, a maior parte dos cânceres de mama são descobertos pelas próprias mulheres.

Os principais sintomas são:

  • Caroço ou nódulo endurecido e geralmente indolor.
  • Pele da mama avermelhada
  • Alterações no bico do peito
  • Nódulos na região das axilas
  • Saída espontânea de líquido dos mamilos

É recomendado que mulheres entre 50 e 69 anos façam a cada dois anos mamografia de rastreamento, que é capaz de detectar o câncer antes que haja sintomas.

Em novembro usamos azul

A campanha Novembro Azul surgiu em 2003 com o intuito de conscientizar os homens acerca dos riscos do câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, com mais de 68 mil casos ao ano.

Segundo o INCA, a cada 38 minutos um homem morre de câncer de próstata, dados que nos levam a apoiar a prevenção, compartilhamento de informações e conscientização, não só dos homens mas de suas famílias como um todo.

Quais os riscos?

O principal fator de risco é obesidade, seguido do histórico familiar e da raça, homens negros são mais propensos a desenvolver esse tipo de câncer.

Em se tratando dos sintomas, o maior problema é que não há sintoma. O câncer de próstata só começa a aparecer quando já está em fase avançada, cujos sintomas são:

  • Dor óssea
  • Dor ao urinar
  • Vontade de urinar com frequência
  • Sangue na urina e/ou sêmen

Por isso a informação e desmistificação do exame são tão importantes para a detecção precoce da doença, pois realizar o exame de toque regularmente aumentam as chances de cura.

Como prevenir?

A única forma de prevenir é descobrir antecipadamente. Homens com mais de 45 anos devem procurar um urologista e realizar o exame de PSA para medir o líquido prostático, e realizar o exame de toque retal, no qual o médico consegue detectar nódulos ou alterações na glândula prostática. O maior problema é o preconceito que esse exame carrega, pois os homens se recusam a se submeter ao teste, o que dificulta o diagnóstico aumentando as chances de contrair a doença.

Os números são alarmantes e para que as estatísticas diminuam nos próximos anos, a prevenção conscientização são primordiais. Muitos foram curados após receber as informações e apoio ao tratamento, proporcionado por ambas as campanhas. Não há como mensurar quantas vidas o Outubro Rosa e o Novembro Azul salvaram ao longo de sua existência, e com certeza continuarão salvando.

Juntos nestas causas

A UNIFEBE realiza diversas ações com o intuito de conscientizar acadêmicos, professores e funcionários sobre a importância de se prevenir contra o câncer de mama e próstata, e realizar o diagnóstico precoce. Além de cartazes fixados na instituição com as campanhas, conversas com os funcionários, dia 31 de outubro, a terceira turma de MBA em Gestão de Pessoas e Coaching preparou um carnaval fora de época com a Escola de Samba “Unidos da Pós”, com o objetivo de conscientizar sobre a prevenção de ambas doenças.

 

FONTES

http://www.inca.gov.br/outubro-rosa/como-prevenir.asp

http://portaldaurologia.org.br/novembro-azul/

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social:

comunicacao.assessor@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

5 profissões em alta nos próximos anos
Dicas

5 profissões em alta nos próximos anos


25 de abril de 2018
O conto da aia= the handmaid’s tale
Dicas

O conto da aia= the handmaid’s tale


11 de junho de 2021
O lobo das planícies
Dicas

O lobo das planícies


14 de maio de 2021
  • Visualizar por ano
  • Visualizar por categoria
Skip to content