notícias colégio
Notícias
26 de junho de 2023
por: Marcelo Gouvêa
Marcelo Gouvêa

Exposição fotográfica, na UNIFEBE, explora as muitas faces da maternidade

Trabalho da fotógrafa Priscila Flores, segue em exibição pública até o dia 3 de julho

A diversidade de faces do amor ligado à maternidade está no foco das lentes da fotógrafa Priscila Flores. Desde o último dia 19, a exposição Tantas Mães Fine Art aborda o tema e está disponível para visitação. Ela segue em exibição até 3 de julho, no átrio do Bloco A da UNIFEBE.

O trabalho traz mulheres brusquenses, representando as diferentes experiências de ser mãe e formas de amor envolvido. Originalmente, a exposição foi exposta na semana do dia das mães, em uma galeria, no Centro da cidade, mas a artista encontrou na UNIFEBE uma possibilidade de ampliar o tempo de visitação.

“Mãe de um, mãe de muitos, mãe de pet, mãe e avó, são muitas as faces da maternidade”, descreve Priscila. “As fotos foram feitas especialmente para a exposição. Convidei algumas mulheres para realizar o ensaio, em que tudo vou documentado e está disponível em formato de vídeo nos QR Codes de cada obra”, lembra.

A tendência, segundo ela, é que as peças fiquem expostas até o fim do ano, em diferentes locais. Após o período, elas serão entregues para as mulheres que serviram de modelo. Para a produção, ela explorou o estilo Fine Art, dando a cada foto uma abordagem única.

Inspiração
Mãe de Heitor, de 4 anos, Priscila fez do projeto uma forma de ajudar no tratamento de uma depressão pós-parto. Segundo ela, o projeto foi uma forma de dar visibilidade às possibilidades que envolvem o amor materno.

“Quando engravidei, achei que seria um tipo de mãe, porém foi tudo diferente do que imaginei e uma luta muito grande para poder me ver como uma mãe na totalidade”, relembra. “Trabalhar com essas mães é maravilhoso e cada um tem uma história. Muitas dessas mães que modelaram e fizeram parte da exposição foram clientes minhas ou convidadas, então eu conhecia as histórias delas. Sabemos que nenhum amor é igual ao outro e cada mãe ama de um jeito. Foi uma coisa que eu me cobrei muito. Sei há mães que amam de um jeito diferente de outras e está tudo bem. O importante é a gente se unir e saber que não há um amor ‘certo’ e um amor ‘errado’”, avalia.

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social:

comunicacao.assessor@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

Estudantes de Botuverá podem solicitar carteirinha para transporte universitário na Secretaria de Educação
UNIFEBE

Estudantes de Botuverá podem solicitar carteirinha para transporte universitário na Secretaria de Educação


26 de janeiro de 2024
Acadêmicos de Processos Gerenciais e Gestão Comercial apresentam trabalhos finais
UNIFEBE

Acadêmicos de Processos Gerenciais e Gestão Comercial apresentam trabalhos finais


04 de abril de 2014
Marcha contra a corrupção é neste sábado, 21 de abril

Marcha contra a corrupção é neste sábado, 21 de abril


20 de abril de 2012
Skip to content