notícias colégio
Notícias
20 de outubro de 2020
por: Olga Luisa dos Santos
Olga Luisa dos Santos

Acadêmicos da UNIFEBE participam do desenvolvimento de game com destaque nacional

Criado por empresa brusquense, jogo virtual oferece prêmios reais.

Fotos: Thiago Bellini e Humberto Garcia

Atuar na área enquanto ainda se está na graduação é uma das formas de descobrir as várias possibilidades profissionais que o curso escolhido pode oferecer. Os acadêmicos Dhyogo Vandressen, Eliane Cristina Bittencourt e Lucas Amorim da 6ª fase de Jogos Digitais do Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE) são exemplos de como uma profissão pode proporcionar experiências em diferentes campos de atuação. Foi vivenciando o mercado de trabalho que eles participaram do desenvolvimento de um game: o Winplay, atualmente reconhecido em todo Brasil pelo número de usuários e por oferecer prêmios reais.

 

Antes de chegar às telas dos smartphones, o Winplay, passou pelas mãos de Eliane Cristina Bittencourt. Artista 2D, é ela quem cria e faz a texturização dos elementos do jogo. Os objetos desenvolvidos por Eliane servem de base para o trabalho de Dhyogo, modelador 3D e animador. Foi ele quem remodelou e fez a animação dos personagens, contribuindo para dar vida ao game. Por trás de tudo isso, está o trabalho de Lucas, programador e responsável pelo back end, tudo aquilo que o jogador não tem contato, como banco de dados e programação.

 

“Dois dos três estudantes de Jogos Digitais da UNIFEBE começaram com a gente como estagiários e se desenvolveram muito rapidamente. A bagagem que eles trazem da universidade com certeza tem contribuído para se tornarem profissionais de alto nível, capazes de desempenhar um papel significativo na criação de um jogo como o Winplay”, salienta o CEO da Silver Games, André Leite.

 

 

Para Eliane, atuar no mercado de trabalho durante a graduação tem impactado positivamente em sua bagagem profissional. Foi por meio da parceria entre a universidade e a empresa que ela começou estagiando na área. “É possível pôr em prática tudo o que aprendi em sala de aula. O aprendizado diário tem ampliado meus conhecimentos e me feito evoluir muito”, enfatiza Eliane.

 

 

Quando Dhyogo começou a trabalhar na Silver Games o Winplay já estava em desenvolvimento. Ele lembra que no início não tinha muita habilidade na área de modelagem e animação 3D e com o apoio do curso de graduação e da empresa, pôde aperfeiçoar suas competências. “Vejo um caminho promissor na área que escolhi. O jogo Winplay me deu muita chance de crescer profissionalmente. Além de ser gratificante ver todo nosso trabalho sendo reconhecido nacionalmente”, pontua Dhyogo.

 

 

O jogo

Lançado em fevereiro de 2019, o jogo de habilidades desenvolvido pela empresa brusquense Silver Games é gratuito e pode ser acessado em plataformas dos sistemas Android e iOS. Apesar de virtual, o game oferece prêmios reais como bicicletas e eletroeletrônicos aos jogadores que somarem a maior pontuação.

O coordenador de Jogos Digitais da UNIFEBE, professor Fernando Merízio, lembra que o mercado de jogos cresceu muito, principalmente durante a pandemia. “A busca por entretenimento aumentou e é nesse sentido que os jogos mais inovadores têm ganhado o espaço e o coração de pessoas das mais variadas faixas etárias”.

Para Merízio, a relação entre a UNIFEBE e a desenvolvedora de jogos Silver Games tem sido de grande sucesso, por evidenciar o quanto o ensino acadêmico e a atuação profissional caminham juntos. “Essa fusão de conhecimentos que ocorre entre o ensino no curso de Jogos Digitais e as necessidades da desenvolvedora de jogos, nos mostram que estamos no caminho certo, oferecendo uma formação de qualidade aos nossos alunos. Contudo, como a área de games é um campo muito desafiador e competitivo, esta parceria também nos impulsiona para mantermos sempre o nosso processo de formação atualizado e em sintonia com as necessidades das desenvolvedoras de jogos presentes no mercado nacional”, frisa Merízio.

 

O Winplay também terá um espaço especial no portfólio de Lucas Amorim. “Participar desse desenvolvimento me possibilitou, logo no início da minha carreira, trabalhar com profissionais qualificados na área. Essa troca de experiências me fez perceber que existe sim espaço para ideias inovadoras em um mercado tão competitivo”, ressalta Lucas.

 

 

 

A empresa brusquense Silver Games está no mercado desde 2017, e é parceira da UNIFEBE em diversas iniciativas, desde visitas técnicas, palestras e como campo de estágio e de trabalho. Além dos três acadêmicos que participaram do desenvolvimento do WinPlay, também estagia na Silver Games o estudante Eduardo Herbert Slomsky Appel, atualmente artista do jogo Bumper Cars Arena.

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social e Marketing:

comunicacao.gestao@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

Design de Moda da Unifebe participa de Força-Tarefa

Design de Moda da Unifebe participa de Força-Tarefa


19 de maio de 2006
Reitor é reempossado como diretor da  Associação Empresarial de Brusque

Reitor é reempossado como diretor da Associação Empresarial de Brusque


08 de outubro de 2013
Simpósio de Estudos Jurídicos

Simpósio de Estudos Jurídicos


02 de outubro de 2006