notícias colégio
Notícias
16 de fevereiro de 2023
por: Celio Bruns Junior
Celio Bruns Junior

Projeto de pesquisa da Engenharia Civil UNIFEBE é publicado em revista e congresso nacional

Tema de estudo foram peças de concreto permeável do tipo paver intertravado poroso

O projeto de pesquisa “Pavimentos drenantes: estudo sobre peças de concreto permeável do tipo paver intertravado poroso”, realizado por acadêmicos e professores do curso de Engenharia Civil da UNIFEBE foi publicado na revista digital “Brazilian Journal of Development” e apresentado no XII Congresso Brasileiro de Engenharia de Produção (ConBRepro), no final do ano passado. A pesquisa foi viabilizada em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC).

O projeto teve como objetivo estudar a efetividade dos pavimentos drenantes, cujo principal benefício é evitar o rápido e indesejado acúmulo de volumes de água acima da superfície do piso. Por isso, foi desenvolvido um estudo sobre o revestimento permeável de concreto poroso para pavimento do tipo paver drenante.

Utilizando a estrutura do Laboratório de Materiais de Construção e Solos do curso de Engenharia Civil da UNIFEBE, os pesquisadores construíram uma bancada em estrutura metálica constituída de grelha e calha para realização do ensaio. Isso foi necessário para que fosse determinado o coeficiente de permeabilidade, índice empregado para estabelecer parâmetros de permeabilidade dos solos. “Os resultados da pesquisa convergiram com o disposto na norma técnica, cujo escopo tipifica os revestimentos permeáveis, regulamenta o método e o cálculo da eficiência hidráulica dos pavimentos drenantes”, detalha o professor Elias Riffel, orientador do projeto.

O concreto permeável permite o aumento da permeabilidade de pavimentos submetidos a cargas reduzidas. A finalidade é absorver certo volume de água, fazendo a recarga do lençol freático, ou escoar essa água através de dutos e drenos posicionados abaixo do pavimento.

O uso desse material elimina os problemas ambientais e urbanos decorrentes da impermeabilização dos solos, permitindo, por exemplo, a filtragem da poluição ocasionada por óleos e fluídos de veículos, que tendem a ser levada para lagos, rios e oceanos, além de reduzir enxurradas e enchentes. O material é praticamente similar ao concreto convencional.

O que os difere é uma pequena alteração no traço: o concreto permeável dispõe de proporções maiores de pedra e pouca ou nenhuma areia. Assim, a estrutura porosa apresenta-se com muitas cavidades que facilitam a passagem da água e do ar, gerando um maior índice de vazios, de 15% a 25%.

A pesquisa está sendo realizada por alunos de iniciação científica e de Trabalho de Conclusão de Curso
(TCC), entre eles, Adriano Oliari. “O projeto evidenciou a extrema importância da utilização do concreto poroso em calçadas e estacionamentos de veículos leves como carros e motos, a fim de aumentar a área permeável do solo urbano”, salienta.

A professora Vivian Siffert Wildner, coordenadora do curso, acredita que, com os projetos de pesquisas, os acadêmicos podem desenvolver ou aprimorar novos produtos, realizando testes e medições por meio da prática experimental em laboratório, o que contribui para a melhoria de materiais utilizados nas construções das cidades.

Acadêmicos que participam da pesquisa
Alexandre Schroeder
Arnoldo Wesley Imhof
William de Chaves Pinheiro

Professores
Alexandre Maines
Elias Riffel

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social:

comunicacao.assessor@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

Alunos da Unifebe visitam a Bovespa

Alunos da Unifebe visitam a Bovespa


18 de maio de 2007
Assembleia reorganiza Fórum DCA

Assembleia reorganiza Fórum DCA


23 de agosto de 2011
Ações de prevenção e combate à dengue são desenvolvidas com estudantes de Pedagogia
Pedagogia

Ações de prevenção e combate à dengue são desenvolvidas com estudantes de Pedagogia


19 de maio de 2023
Skip to content