notícias colégio
Notícias
28 de novembro de 2012

Coordenadora do Curso de Moda é aceita para doutorado na PUC-SP

A coordenadora do curso de Design de Moda do Centro Universitário de Brusque – UNIFEBE, Edinéia Pereira da Silva Betta, passou no processo seletivo (prova, entrevista e análise de currículo) para realizar o doutorado na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Seu projeto está inserido no programa de História Social daquela instituição. A professora é egressa da UNIFEBE, sendo aluna da primeira turma do curso de História. Sua especialização e o mestrado foram realizados na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

A pesquisa apresentada é uma ampliação da dissertação de mestrado, onde irá trabalhar a História da indumentária no Sul do Brasil, evidenciando a identidade e o poder de representação dos trajes “típicos” gaúchos, e o seu deslocamento para os demais estados, já que hoje está presente na maioria dos estados brasileiros e exterior, em virtude da migração.

Contrariando as pesquisas atuais que indicam que poucos querem exercer a profissão de professor, Edinéia se diz uma apaixonada pela arte de ensinar. “Pesquisar é algo que gosto muito, porém dar aula é a minha paixão. Desde criança, eu tinha certeza que queria ser professora. Quando adolescente, fui catequista, depois fiz magistério e na graduação optei por licenciatura. Como a minha família é da confecção, e convivi com essa realidade por muito tempo, optei por pesquisar história da indumentária. Eu faço realmente o que eu gosto”, contou a professora.

Edinéia já trabalhou com Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Superior. “Vejo o aluno como prioridade. Digo sempre, logo no primeiro dia de aula, o que me diferencia deles é que, por conta da idade, eu passei pelo processo primeiro, não quer dizer que um dia eu não venha a ser aluna deles também. Pois a vida é um constante aprendizado e o professor nunca deixa de ser aluno também”, salienta.

Os degraus acadêmicos galgados pela professora sempre estiveram ligados ao trabalho. Oriunda da escola pública, Edinéia cursou a UNIFEBE com bolsa do artigo 170 e também exercia atividade profissional. A especialização e o mestrado foram cursados com a docente trabalhando paralelamente. Segundo ela, também pretende fazer o doutorado conciliando com o trabalho. “Fácil não é, mas também não é impossível. O importante é não desistir! Essa é a realidade de grande parte dos alunos da UNIFEBE que estudam e trabalham. Tenho orgulho de poder contribuir para a formação deles.”

 

Texto: Elizandra Damasceno
Publicado por: Assessoria de Comunicação Social

Postagens relacionadas

Processo Seletivo Técnico-Administrativo – Auxiliar de Biblioteca

Processo Seletivo Técnico-Administrativo – Auxiliar de Biblioteca


18 de fevereiro de 2008
livros

livros


29 de abril de 2009
UNIFEBE e Justiça Federal renovam convênio
Serviço

UNIFEBE e Justiça Federal renovam convênio


16 de agosto de 2016