notícias colégio
Notícias
03 de abril de 2019

Intercambistas alemãs conhecem a Câmara de Vereadores de Brusque

Estudantes da UNIFEBE foram recepcionadas por vereadores e servidores do Poder Legislativo

Fotos: Câmara de Vereadores de Brusque

A Câmara de Vereadores de Brusque recebeu na tarde desta terça-feira, 2 de abril, a visita de duas acadêmicas alemãs que estão fazendo intercâmbio no Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE). Regina Glöckler é estagiária na Coordenação de Engenharia Mecânica e Christin Ittensohn, no setor de Recursos Humanos (RH) da instituição. Na Alemanha, Regina e Christin cursam Gestão Pública na Kehl University of Applied Sciences.

Elas estiveram na casa legislativa acompanhadas da assessora de Relações Internacionais da UNIFEBE, Ana Paula Bonatelli, e da supervisora de RH da universidade, Juliana Peixer. A vereadora Ana Helena Boos (PP) e os vereadores Claudemir Duarte, o Tuta (PT), Paulinho Sestrem (PRP) e Sebastião Lima, o Dr. Lima (PSDB) participaram da recepção às intercambistas junto do diretor geral da Câmara, Jefferson Silveira, e do assessor da mesa diretora, servidor Roland Alfredo Koehler.

No plenário, Regina e Christin receberam informações sobre a dinâmica de funcionamento do Poder Legislativo municipal e conversaram com os vereadores sobre a experiência no Brasil, os mecanismos públicos de incentivo ao intercâmbio na Alemanha, suas aspirações profissionais futuras, entre outros assuntos.

Quais impressões tiveram da visita na Câmara de Vereadores de Brusque?

CHRISTIN ITTENSOHN

Eu realmente gostei porque provavelmente trabalharemos em uma prefeitura no futuro e em parte de nosso estudo para aprender sobre as leis e políticas. Então foi muito interessante ver como eles administram a prefeitura da cidade e como a política funciona em Brusque. Conversamos muito com os vereadores que nos explicaram seu trabalho e como as leis são feitas. E então conversamos com eles sobre como funciona na Alemanha. Percebemos que existem muitas semelhanças e apenas algumas diferenças. A Câmara foi realmente estruturada e organizada e eu aproveitei o tempo lá porque todas as pessoas estavam realmente de mente aberta e interessadas em trocar experiências conosco alemães. Para mim foi muito importante que eu visse o Conselho da Cidade e, portanto, tenho algumas experiências internacionais sobre política e leis e isso expandirá meu horizonte para o meu estudo.

REGINA GLÖCKLER

Eu realmente gostei, foi uma grande experiência e realmente muito interessante conhecer todos os vereadores da Câmara. Eles estavam muito abertos para nós e passaram bastante tempo nos mostrar tudo.

Quais as principais diferenças que observaram em relação à Alemanha?

CHRISTIN ITTENSOHN

Uma grande diferença que percebi foi que o prefeito não participa das sessões das câmaras municipais. Na Alemanha, o prefeito é o líder e líder da sessão, de modo que há muita comunicação entre a Câmara e o prefeito. E acho que na Alemanha é mais comum ter mulheres como vereadoras nas Câmaras também. Em Brusque, existe apenas uma mulher vereadora no Câmara hoje.

REGINA GLÖCKLER

Que a cooperação entre o prefeito e o Câmara de Vereadores é diferente. Na Alemanha, o prefeito está sentado na reunião da Câmara de Vereadores e participa de todas as discussões.

Conteúdo produzido em parceria com a Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de Brusque

Fale Conosco / Assessoria de Comunicação Social e Marketing:

comunicacao.gestao@unifebe.edu.br / 47 3211-7223

Postagens relacionadas

Apresentações de TCCs de Administração começam segunda-feira

Apresentações de TCCs de Administração começam segunda-feira


06 de julho de 2007
Inscrições abertas para Prêmio Agroambiental Monsanto

Inscrições abertas para Prêmio Agroambiental Monsanto


08 de abril de 2010
UNIFEBE promove Curso de Primeiros Socorros para Clubes e Academias

UNIFEBE promove Curso de Primeiros Socorros para Clubes e Academias


13 de novembro de 2012